Eurostar vs Avião…qual é a melhor opção?

Eurostar_at_St_Pancras_railway_station

De Bruxelas para Londres optamos por seguir no Eurostar. Nunca tinha experimentado apesar de adorar viajar de comboio. A oportunidade surgiu em alternativa aos altos preços das viagens de avião entre as duas cidades.

A viagem começou cedo. Chegamos com alguma antecipação à Estação de Midi em Bruxelas apesar de o bilhete só recomendar 30 minutos antes. E foi uma boa opção…a fila para entrar na zona exclusivamente dedicada ao Eurostar era grande, mais por questões de segurança do que formalidades de embarque.

Cerca de 20 minutos depois estávamos a entrar no comboio, encostamos a mala num dos suportes de bagagens (sem complicações de peso e/ou tamanho) mesmo no inicio da carruagem. Este sistema é excelente também quando desembarcamos uma vez que não precisamos de esperar 30/45 minutos pelas malas. Apesar de ser antigo as carruagens são confortáveis e existe uma carruagem bar/café para quem tiver fome pelo caminho.

A viagem é rápida e tem apenas uma paragem em França. O comboio atinge uma velocidade espetacular em algumas zonas do percurso mas na maior parte do caminho dá perfeitamente para ir admirando a paisagem. Uma das partes que mais “temia” era o famigerado túnel debaixo de água, no entanto, passou num ápice.

Chegamos a Londres, à Estação de Saint Pancreas, outra vantagem face ao aeroporto (qualquer um deles) que ficam longe do centro da cidade. Estávamos literalmente a três estações de metro do hotel.

No geral demora menos tempo (não temos que estar horas antes no aeroporto, nem esperar pela bagagem), é bastante mais barato ficando abaixo do 100€ euros por pessoa (em segunda classe), é confortável, permite admirar a paisagem e não tem limites de bagagem. Só vantagens, certo?

Chegando a Londres é só encontrar um hotel barato e desfrutar da estadia e do dinheiro poupado para comprar mais uma camisola na GAP ou noutra qualquer loja da moda.

Eurostar 1 – Avião 0

One thought on “Eurostar vs Avião…qual é a melhor opção?

Deixar uma resposta