GRÁTIS! O que ver em Budapeste sem custos

gratis buda.jpg

Admirar a Praça dos Heróis

buda13

Esta grandiosa praça que nos deixa esmagados não só pela história como pela sua dimensão, abraçando três dos mais importantes edifícios da cidade, o Museu das Belas Artes, o Palácio da Arte e o Monumento ao Milénio. É Património Mundial da UNESCO.

Subir ao Castelo

castelo buda.jpg

 

A subida ao castelo pode e deve ser feita através do histórico funicular mas para os mais atléticos e para os que vão com os trocos contados também pode ser feito a pé.

Passear pelo Basteão dos Pescadores

8227b-budapeste2528202529

Admirar a enormes construção militar e admirar as vistas são também duas atividades que poderá desfrutar subindo ao Basteão. Construído no século XIX, proporciona uma das mais espetaculares vistas da cidade e do rio. As suas 7 torres representam as 7 tribos Magyar que fundaram a nação.

Visitar a Basílica de Santo Estevão

buda3

É uma das mais importantes de Budapeste e merece uma visita atenta. É a maior igreja da cidade e vê-se de qualquer ponto. A sua cúpula de 96 m é da mesma altura que a do Parlamento. Apesar da entrada ser gratuita pode-se deixar uma contribuição para a manutenção da Igreja.

Subir à Colina Gellert

Budapeste (39)

Quem seguiu a dica do castelo então fique a saber que essa subida é para meninos. Subida à séria é a esta colina, 140m sempre a pique, sempre a subir. Valerá a pena o esforço? A resposta é sim. Daqui pode-se desfrutar das melhores vistas da cidade, em especial do Parlamento e das duas emblemáticas pontes que atravessam a cidade. A encosta abriga a Igreja da Gruta, verdadeiramente singular.

Conhecer a gastronomia local no Mercado Central

buda22

Adoro mercados e este não é exceção. Muitos produtos locais com bom aspeto (essencialmente os tradicionais salames picantes, de todos os tamanhos), algum artesanato, muitas cores, sons e cheiros. É o maior mercado de Budapeste. Para nos perdermos hora e horas a afins.

Passear no Bairro Judeu

buda19

Ficar a conhecer um pouco melhor a sua história e raízes ainda muito presentes na cidade. É um bairro que não esconde que já foi outrora grandioso é que procura aos poucos recuperar essa grandiosidade.

Atravessar a Ponte das Correntes

buda9

A par do Parlamento deve ser um dos locais mais fotografados da cidade. E com razão! Não só é linda e verdadeiramente impressionante, como é extremamente fotogénica, sobretudo em selfies. Foi a primeira a ligar Buda a Peste, tendo sido totalmente reconstruída pós II Guerra Mundial.

buda.jpg

E como se conseguiram poupar uns trocos não podemos deixar de ir ao Café Nova Iorque, que dizem ser o mais bonito do mundo, beber um café ou um chocolate quente. O chocolate aquece o corpo, o acompanhamento ao piano e a exuberância do espaço a alma

O custo de vida em Budapeste é relativamente barato e a moeda não está muito valorizado, sobretudo quando comparada com o euro. Ainda recordo quando cheguei ao multibanco para levar uns trocos para 3 dias e a máquina não parava de separar notas, tendo acabado com vários lençóis nas mãos. Também é possível encontrar voos baratos para Budapeste e Hotéis para todos os preços. Nós ficamos aqui e lembro-me que na altura ficou muito em conta, tendo em consideração a qualidade e localização (perto da principal avenida de lojas e a 5 minutos do metro).

Conhecem outros locais em Budapeste onde não se pague para visitar? Partilhem aqui pf…não guardem esses segredos só para vocês 😉

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s