Praga, Viena e Budapeste…alguma dicas

Praga,Viena e Budapeste são sem dúvida três das mais grandiosas cidades da Europa e foi uma emoção descobrir alguns dos seus segredos, sentir o seu pulsar e conhecer um pouco da sua história tão atribulada. Não querendo ser muito chata quero apenas partilhar, para já, algumas dicas e sugestões sobre esta viagem.

Para começar quero referir que toda a viagem pode ser planificada e marcada diretamente por nós, dando para poupar uns trocos. Quer o avião, quer os hotéis e deslocações são muito simples de encontrar e marcar.

#Avião

O voo foi marcado no site da TAP e ficou 294,55€ por/pessoa, com ligação Lisboa-Praga e Budapeste-Lisboa.

f0d6c-100_7006

# Deslocações entre cidades

As deslocações entre Praga e Viena e Viena e Budapeste foram feitas de Comboio. No primeiro caso, a viagem durou cerca de 5h e no segundo não chegou a 3h. Os preços e horários podem ser consultados aqui. As viagens são relativamente confortáveis e os comboios modernos.

b9a44-100_7618

 

#Transferes e deslocações

Em Praga a melhor forma de ir do aeroporto para o centro da cidade é de táxi. É relativamente rápido (mais ou menos 30 minutos) e não fica muito caro (cerca de 25 euros). Recomendação importante: chamar um táxi nos quiosques que estão à saída do aeroporto (os outros não são de confiança).

bb178-taxi-praga

De Praga para a estação de comboio o metro é uma boa opção, assim como da estação de Viena para o centro da cidade. A cidade tem uma excelente rede de metro. Da estação de comboios de Budapeste para o hotel, o metro é também a melhor opção (mais uma vez a estação era bastante central) e apesar do susto inicial (o metro era para lá de velho e estava tão ferrugento que tive dúvidas se iria arrancar) foi bastante tranquilo. Para o aeroporto o táxi é a melhor opção (reservado pelo hotel na véspera). A distância ainda é longa mas como têm tarifa fixa (cerca de 20 euros) acaba por ficar muito em conta.

f5207-metro-budapest

 

# Pelas Cidades

Em Praga e Viena andamos sempre a pé para todo o lado. São cidades relativamente pequenas e a melhor forma de as conhecer e de as sentir é mesmo a pé.

Em Budapeste fomos de metro para a Praça dos Heróis, não só para poupar as pernas mas também para conhecer a mais antiga rede de metro da Europa. Também não conseguimos resistir aos velhinhos elétricos que circulam pelas artérias da cidade e fizemos a (curta) viagem entre a Praça Batthyány e o hotel Gellert. Muito divertido.

2c361-100_8816

 

#Hotéis

Procuro sempre hotéis relativamente centrais dentro de um determinado budget (baixo,claro) e posso dizer que desta vez acertei em cheio. As reservas foram todas feitas através do Booking (do qual sou fã e cliente ativa).

Em Praga ficamos no Eurostars Thalia localizado na do Teatro Nacional, a 5 minutos a pé da Ponte Carlos e a 10 do centro da Cidade. Em Viena ficamos num hotel um pouco mais modesto, o Hotel Graf Stadion, que não ficando no centro ficava a 10 minutos a pé das principais atrações. Em Budapeste voltamos a ficar num Eurostars, o Budapest Center, bastante central e que fica a 3 minutos da principal rua de lojas da cidade e à mesma distância do Museu Nacional e da Sinagoga.

2e00f-budapest_06
Pode parecer complicado mas não. Requer alguma paciência e método mas é bem mais divertido do que ir à agência de viagens e comprar o pacote já feito.Para terminar deixo apenas mais duas dicas…comprar bons guias (eu uso quase sempre os da American Express. Dão boas dicas mas ainda deixam muito espaço à descoberta pessoal) e levar um bom caderninho. Estes cadernos são excelente para levar algumas notas e dicas a não esquecer e para apontar as aventuras para mais tarde recordar.

8 thoughts on “Praga, Viena e Budapeste…alguma dicas

  1. Anónimo says:

    Olá,
    Vou fazer o circuito e gostava de saber se é necessário comprar os bilhetes de comboio com antecedência ou se pode na estação no próprio dia.
    Obrigada.

  2. Random Traveller says:

    Olá, só agora reparei que por algum motivo a resposta não chegou a ser publicada. Espero ainda ir a tempo.

    De Praga para Viena compramos apenas na véspera e de Viena para Budapeste compramos quando chegamos a Viena mas foi tudo por precaução porque há sempre bilhetes disponíveis no próprio dia.

    Boa Viagem.

  3. TIAGO says:

    Olá!

    Esta aventura ficou por um total de quantos €?
    Já fiz as 3 cidades, mas num interrail, mas gostava de voltar.

    =)

  4. Inês Duarte says:

    Boa noite, gostaria de fazer o mesmo percurso que vocês fez e gostaria de saber em quanto é que lhe ficou a viagem e quantos dias ficou em cada cidade?

    • Random Traveller says:

      Olá Inês,
      Entre avião, 3 hotéis (3 noites+2+3) e os comboios de ligação (praga/Viena e Viena/Budapeste) ficou em cerca de 970€.

      Em Praga e Budapeste ficamos 3 dias e Viena 2. Da perfeitamente porque as cidades não são muito grandes, mas se pudesse tinha ficado mais um dia em Budapeste só a curtir a cidade. E maravilhosa.

Deixar uma resposta