Estórias

Geocaching, a nova caça ao tesouro

Este fim de semana descobri o Geocaching, uma espécie de caça ao tesouro, mas onde as recompensas são conhecer e descobrir locais onde de outra forma não nos lembraríamos de ir ou sequer saberíamos que existe. O potencial deste jogo nos arrebatar e viciar é tão grande que bastou três dias para não conseguir pensar noutra coisa…

Tudo começa aqui, com o registo no site e o único requisito é ser possuidor de um gps. Depois é só partir à aventura e encontrar tesouro atrás de tesouro, sendo que, neste jogo global, o tesouro tem um nome, geocache. Esta é a grande protagonista desta aventura mundo fora. O objetivo é muito simples. Através de um gps, e seguindo um conjunto de coordenadas, encontrar as geocaches, dos mais diversos tamanhos e feitios, que estão escondidas nos mais recônditos esconderijos.

Pelo que pude perceber por estes dias, a imaginação é o limite, quer para as caches, quer para os locais onde esta pode estar escondida. Depois de descobri a cache é só assinar o logbook e repor a cache no mesmo local onde estava. Missão cumprida! Depois é só partilhar online a experiência. De referir que este é o nível mais básico de geocaching. Existem depois uma série de variantes e opções que conto descobrir e partilhar lá mais para a frente.

Outra coisa que gostei foi do ar de mistério e secretismo da coisa, porque todo o cuidado e pouco para proteger as caches de pessoas mal intencionadas e desconhecedores de outro mundo para além do seu umbigo. Ao descobrir a cache é preciso alguma descrição para a retirar do local.

Parece divertido? A mim também e mal cheguei a casa inscrevi-me. E não é que existem três caches mesmo ao pé de minha casa!! Nem queria acreditar. Próximo passo …ir descobri-las.

A verdade é que nestes dois dias em que andamos numa de Geocaching redescobri alguns locais aonde vou há anos e por onde passo desde pequenina. É uma forma de conhecer muito mais de perto o ambiente à nossa volta, de dentro para fora. E é este o grande tesouro que este jogo nos proporciona.

Leave a Reply

%d bloggers like this: