Alqueva integra lista dos melhores destinos do mundo para ver estrelas

Castelo de Noudar, Portugal © Dark Sky Alqueva

Castelo de Noudar, Portugal © Dark Sky Alqueva

Ora aqui está uma noticia que para aqueles que como eu cresceram com fortes ligações ao Alentejo tão bem sabem. E agora o mundo inteiro também já o sabe.

A região do Grande Lago do Alqueva, no Alentejo, é um lugar maravilhoso para ver estrelas, constelações e galáxias distantes, durante a maior parte do ano. Foi o primeiro destino Starlight no mundo e esta distinção conseguiu unir os municípios do Alqueva para preservar esse recurso especial, tomando medidas sobre a intensidade da iluminação pública, bem como a criação da Star Party Alqueva, um evento onde tudo gira à volta das estrelas e da observação astronómica.

Quem o afirma é o trivago que selecionou 10 destinos mundiais onde é possível fazer turismo astronómico, tendo em conta tanto os roteiros internacionais como a oferta de atividades de lazer. Esta atividade que combina cultura, ciência e meio ambiente conseguiu revitalizar e pôr em destaque em termos turísticos lugares que já eram uma referência no mundo da astronomia. Em muitos destinos as atividades especializadas na observação de estrelas multiplicaram-se, assim como as empresas que se dedicam a este sector.

O Alqueva foi distinguido no seio de uma lista ilustre que inclui as Ilhas Canárias (Espanha), Havelland (Alemanha), Península de Iveragh (Irlanda), Islândia, Deserto do Namibe (Namíbia), Grande Karoo (África do Sul), Deserto do Arizona (Estados Unidos da América), Deserto de Atacama (Chile) e o Parque Nacional Aoraki / Mount Cook (Nova Zelândia).

Deixar uma resposta