Melhores parques para descansar e relaxar

As grandes cidades são tendencialmente fonte de stress e por vezes sentimos falta de um lugar para relaxar e descansar da loucura. Nestes 5 parques não só podemos fazer tudo isso, como são locais ideais para contactar com os “locais”, ver como desfrutam dos seus momentos de lazer e como passam o tempo com a família, amigos ou a cara-metade.

Central Park, Nova Iorque

O mais emblemático parque de Nova Iorque e quem sabe do mundo! Mais de 340 ha de espaço verde, um verdadeiro paraíso no meio de uma cidade caótica, barulhenta, cosmopolita. Entre as principais atrações destacam-se o Grande Relvado, uma área de 5ha que dá para tudo desde pic-nics em família a concertos, o Central Park Zoo, um mini zoo com certa de 100 espécies, o Castelo de Belvedere, uma fortaleza de pedra localizada em cima de um rochedo e o Reservoir, um lago com 43 ha um dos cinco do parque, ladeado por uma pista de corrida. Aos fins de semana de sol é bom tempo é o melhor local para observar os nova iorquinos. Para aqui vem jogar basebol, dormir, namorar, descontrair.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Hyde Park, Londres

É um dos mais vastos parques de Londres e um espaço verde de singular beleza. É o parque ideal para relaxar, passear, fazer exercício ou passear de barco no lago. No natal recebe o maior e mais espetacular Mercado de Natal de Londres. É habitado por uma variedade de bichinhos, alguns bastante sociáveis como os esquilos.

Londres_3 (266)

Gross Tiergarten, Berlim

Localizado atrás da Porta de Brandeburg, o Gross Tiergarten é o maior jardim de Berlim e o pulmão da cidade. São cerca de 200 hectares de espaços verdes, caminhos pedonais, lagos e sombra que fazem as delícias dos berlinenses nos dias de calor. Após a II Guerra Mundial este jardim foi dizimado pelos berlinenses, que cortaram as suas árvores para terem lenha para se aquecer e usaram os seus vastos terrenos como Campos de cultivo para terem o que comer. Foi totalmente recuperado e hoje é um dos locais de lazer preferidos da cidade.

Berlim (164).JPG

Parc Guell, Barcelona

Quantos parques podem dizer que são Património Mundial da UNESCO? O Parc Guell pode e não deixa os seus créditos por mãos alheias. Este Parque é dominado pela presença de Gaudi que deixou a sua marca por todo o lado. Por aqui é possível encontrar azulejos, trencadis (mosaico com pedaços irregulares de cerâmica ou outros materiais, técnica celebrizada por Gaudi), pavilhões inacreditáveis, arcadas góticas, um banco sinuoso e um lagarto que deve ser o mais fotografado do mundo. A vista é deslumbrante e a cansativa subida é rapidamente esquecida por tudo o que há para ver e experienciar.

LostFile_JPG_51867263.jpg

Parque Sempione, Milão

O Parque Sempione é a praia de Milão, com a desvantagem que não tem mar para dar um mergulho. É ponto de encontro para famílias e amigos e o local ideal para apanhar sol, ler um livro, fazer um pic-nic ou até mesmo trabalhar quando tem mesmo de ser. Já foi o jardim do Ducado Visconti, já foi a reserva de caça de Sforza, já foi campo de cultivo de trigo durante a II Guerra Mundial. Actualmente é “apenas” um dos melhores locais de Milão para relaxar, pensar na vida e carregar baterias.

100_3112.JPG

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s