Circuito da BD em Bruxelas

IMG_2145

Bruxelas, além da capital da Bélgica e da União europeia, e também a capital da banda desenhada. Cidade berço de nomes como Hergé, o pai do famoso aventureiro Tintin, Peyo, pais dos famosos seres azuis os Estrunfes, Morris, pai do intrépido cowboy, André Franquin, pai de Gaston Lagaffe e do equisitoide Marsupilami, um animal de cor amarela com manchas pretas e uma longa cauda, entre tantos outros.

A BD belga ganhou fama e alcançou o sucesso graças a duas revistas que nos anos 1940 publicavam histórias dos mais diferentes autores. Um dessas revistas era a Spirou, onde viram a luz personagens como o Spirou e Fantásio, o Lucky Luke e os Estrumpfes. A outra revista era a do Tintim, ambas contribuíram para a valorização da BD e para dar espaço de crescimento a autores que são atualmente grande nomes, traduzidos mundialmente e reconhecidos pela sua obra.

Por tudo isto e mais que justo que a cidade preste, nas suas ruas, uma justa homenagem a esta forma de arte. E a dita homenagem nasceu da vontade do Centro Belga de Banda Desenhada que em 1991 criou um roteiro de frescos ao ar livre, nas paredes de prédios por toda a cidade, que representam diferentes personagens e prestam tributo ao talento belga da BD. São muitos os locais onde poderá encontrar estes desenhos e o percurso está normalmente indicado debaixo dos mesmos. São 30 e muitos e aumentam de ano para ano mas descobri-los, acidentalmente ou seguindo o circuito, é sempre um prazer porque alguns deles são verdadeiramente excecionais e memoráveis. O CBBD organiza visitas guiadas pelo percurso.

Percurso_BD

0-bd-plaque-rues-1260x1010

Se gosta de BD outros pontos que também não vai querer perder são o Centro Belga de Banda Desenhada, a casa de Hergé, na Rue Philippe Baucq, e a Boutique Tintin, na Rue de la Coline.

IMG_2148

O Centro Belga de Banda Desenhada responde, ao longo dos diversos espaços de exposição, à pergunta como nasceu aquilo que denominamos hoje de BD? O Museu é uma viagem no tempo desde a pré-história ao nossos dias. Aqui ficamos a conhecer os vários tipos de BDs, os vários estagios da criação e alguns dos principais artistas que deram vida a grandes nomes da BD como o Tintin.

No Museu Hergé, aberto em 2010 em homenagem ao famosos autor de BD, é possível ficar a conhecer a sua carreira e a sua obra através de desenhos originais e fotografias. A Boutique Tintin é um espaço comercial onde os fãs do famoso personagem de Hergé podem adquirir copias de desenhos, bonecos, roupa e toda uma serie de peças que ficam bem em qualquer coleção do género.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s